简体中文EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol

Destinos Incríveis

Piatã, uma praia para o esporte e para o lazer

O coqueiral, a extensa faixa de areia dura, e algumas dunas, que separam as duas praias – Piatã e Plackafor - são as principais características dessas praias, que ficam na Orla Atlântica de Salvador

Postado em: 16/05/2018
Por: Adilson Fonsêca

O coqueiral, a extensa faixa de areia dura, e algumas dunas, que separam as duas praias – Piatã e Plackafor – são as principais características dessas praias, que ficam na Orla Atlântica de Salvador e são das mais procuradas por quem quer o banho de mar e a prática de esportes.

Pela sua extensão, a praia de Piatã abriga todas as tribos, com espaço de sobra para mesas, cadeiras, bola, peteca, pranchas de surfe e o que mais aparecer no pedaço.

Diz a lenda urbana que muitos craques que já passaram por Bahia e Vitória, os dois principais times baianos, deram seus primeiros dribles nas areias duras de Piatã e lá foram descobertos.

Se é verdade ou meia verdade, em fim de carreira muitos não dispensam a “pelada” nessa praia, onde são reverenciados, mas encarados der igual para igual. O “baba” ou “pelada”, (apelido dado ao futebol jogado amadoristicamente e sem os rigores das regras do futebol profissional) em Piatã é “pra pirão”, costumam definir seus participantes.

A praia forma uma enseada, terminando em uma pequena península rochosa que faz divisa com a Praia de Placaford. Mas não se aventure atraído pelo convidativo vai e vem da maré. As correntes são freqüentes e perigosas. Mas os surfistas adoram.

Na praia, encontra-se o “Parque dos Coqueiros de Piatã”, que foi recentemente recuperado abrigando um coqueiral implantado como parte da urbanização da cidade. Tem uma ampla área para estacionamento, pago.

Mas se você está com as crianças, seu refúgio está ao lado. É a vizinha Placaford. Uma bacia formada pelos arrecifes que contornam a faixa de areia que sucede Piatã e antecede Itapuã vira um paraíso para famílias e para a garotada.

O mar é tranqüilo, principalmente com a maré baixa, mas mesmo quando ela sobe, o trecho é mais calmo que em Piatã. Foi, por muito tempo, uma das mais freqüentadas de Salvador e ainda conserva um certo fascínio entre os baianos.

Compartilhar:

Outras
Notícias