简体中文EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol

Destinos Incríveis

Salvador 470 anos, uma metrópole cada vez mais “nova”

Postado em: 25/03/2019
Por: Adilson Fonsêca

Colocar o pé em Salvador é como caminhar pela história. Saborear as iguarias da cozinha baiana, temperadas com os segredos de nossos irmãos africanos, é para guardar por muito tempo. Contemplar o mar da Bahia, seja do alto, de um dos muitos mirantes naturais, ou com os pés na areia, deixando que as águas mornas e mansas façam uma massagem natural, é para não esquecer jamais.

Mas se você pensa que é só isso, vai ter uma agradável surpresa. A capital do Brasil, que contemplou recentemente seus 470 anos, parece mais bela e renovada do que nunca. E tem sempre um segredinho para te revelar a cada vinda a esta encantadora e mágica cidade.

São opções que vão desde os seus mais de 56 quilômetros de praias, divididas entre a Orla Atlântica, a Baía de Todos os Santos, com a silhas de Frades, Maré e Bom jesus dos Passos, e a orla interna, que abrange a Península de Itapagipe e o Subúrbio Ferroviário, ao Centro Histórico, tombado como Patrimônio Mundial pela UNESCO, Salvador encanta baianos e turistas e se renova à cada ano.

Na sua gastronomia, herança deixada pelos antigos escravos africanos, com a mistura dos povos indígenas e portugueses, a comida baiana é única no País, desde o acarajé, considerado Patrimônio Imaterial do Brasil, que é exportado para os demais estados, à farinha de mandioca do tipo “copioba”, ao jeito baiano de preparar iguarias, à diversidade da música.

Salvador é hoje um grande celeiro musical com artistas dos mais variados ritmos, que se expressam com m ais força no carnaval, considerado por aqui a maior festa popular do planeta, segundo o Guiness Book. De nomes como os Novos Baianos, e com eles Gil, Caetano, Gal e Bethânia, à geração da Axé Music, e hoje com o pagode funk, o arrocha e o sertanejo, todos com uma pitada própria do jeito baiano de ser e de se expressar.

Na sua história, cujo marco maior se expressa nas ruas, becos e ladeiras do Pelourinho, a arquitetura, a religiosidade e o misticismo, criaram o sincretismo, que permite a convivência harmoniosa com todas as formas de expressões, como se vê nas festas religiosas, como a Lavagem do Bonfim, ou em celebrações, como as missas nas igrejas de São Roque/São Lázaro e Nossa Senhora do Rosário dos Pretos.

A festa

Completar 470 anos e manter o mesmo fôlego inovador, faz de Salvador o destino dos turistas no Brasil e de vários países do mundo. Para quem está na cidade, curtindo o que ainda sobrou do verão, a programação festiva de aniversário já começou e só termina no último dia do mês de março.

Os dez dias do Festival da Cidade, com programação totalmente gratuita, tem característica multicultural e de artistas. O ponto alto acontece no dia 29, aniversário da cidade, com o Concerto Internacional Salvador 470 anos, no Farol da Barra, que contará com a apresentação de cantores locais como Saulo, Márcia Freire e Magary Lord, além do angolano Paulo Flores e dos portugueses António Zambujo e Ana Moura. No mesmo dia, também haverá apresentações especiais de Hiago Danadinho, Léo Santana e Denny Denan, em Cajazeiras X.

No dia 29 de março, aniversário de Salvador, um concerto internacional será realizado às 19h no Farol da Barra, reunindo artistas brasileiros e portugueses. A apresentação reúne Carla Cristina, Daniela Mercury, Saulo, António Zambujo, Paulo Flores, Ana Moura, Márcia Short, Magary Lord e Marcia Freire. Também no dia 29, mas em Cajazeiras, a prefeitura fará shows de Hiago Danadinho, Léo Santana e Denny Denan, às 18h30, no Campo da Pronaica.

No dia 30, na Praça da Revolução, em Periperi, às 19h, apresentam-se Bell Marques e Solange Almeida. Também no dia 30, no Rio Vermelho, às 18h, a cidade será palco de apresentações de Márcio Mello, Paulinho Boca e Moraes Moreira no Largo da Mariquita.

Para fechar a programação musical, no dia 31, a cantora Ivete Sangalo desfila em um trio que sai do Clube Espanhol em direção ao Farol da Barra, às 15h. Os blocos afro Filhos de Gandhy, Cortejo Afro, Malê de Balê e Muzenza também participam da celebração.

Compartilhar:

Outras
Notícias


Fatal error: Uncaught exception 'wfWAFStorageFileException' with message 'Unable to save temporary file for atomic writing.' in /home/bahianoi/public_html/wp-content/plugins/wordfence/vendor/wordfence/wf-waf/src/lib/storage/file.php:30 Stack trace: #0 /home/bahianoi/public_html/wp-content/plugins/wordfence/vendor/wordfence/wf-waf/src/lib/storage/file.php(650): wfWAFStorageFile::atomicFilePutContents('/home/bahianoi/...', '<?php exit('Acc...') #1 [internal function]: wfWAFStorageFile->saveConfig('livewaf') #2 {main} thrown in /home/bahianoi/public_html/wp-content/plugins/wordfence/vendor/wordfence/wf-waf/src/lib/storage/file.php on line 30