简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Cacique Raoni levanta a bandeira da preservação ambiental na avenida

Cacique Raoni levanta a bandeira da preservação ambiental na avenida

Publicado em: 24/02/2020


O domingo (23) de Carnaval no Campo Grande contou com a presença de um indicado ao Prêmio Nobel da Paz. Reconhecido mundialmente como defensor dos povos indígenas e da Floresta Amazônica, o Cacique Raoni acompanha o cantor e compositor Edu Casanova, em cima do trio, durante todo o percurso pelo Circuito Osmar. Para a alegria dos foliões pipoca, os dois vão repetir a dose nesta segunda-feira (24), a partir das 16h.

Batizado Raoni Metuktire, o índio é cacique líder da etnia Caiapó e já recebeu apoio, publicamente, de diversas autoridades, inclusive governantes do Canadá e França. Estima-se que o ativista tenha nascido por volta de 1930, no Mato Grosso. O cacique deixou uma mensagem para os foliões de Salvador. “Que no restante dos dias todos façamos como no Carnaval, fazendo reinar a diversão, o amor, a alegria. Nada de guerra”, clamou o indígena.

Indicado ao Prêmio Nobel da Paz do ano passado, o cacique Raoni, de 89 anos, da etnia Caiapó, participou pela primeira vez do Carnaval de Salvador. Na noite deste domingo (23), o líder indígena desfilou no Circuito Osmar (Campo Grande), a mais tradicional passarela da folia baiana, em cima do trio Comanche do Pelô, comandado por Edu Casanova.

“A vida é alegria, é cuidar dos rios, da natureza. O Carnaval também é isso também porque celebra a alegria”, disse o cacique, que também participa da folia nesta segunda (24), também no Campo Grande.

Raoni é conhecido mundialmente pela defesa do meio ambiente e da floresta amazônica. Trata-se de uma das personalidades mais respeitadas do planeta na área da sustentabilidade.

Compartilhar: