ArabicChinese (Simplified)DutchEnglishFrenchGermanItalianPortugueseRussianSpanish
Home > Show e Diversão > Festival vai reunir Alceu Valença, Paulinho da Viola e Ney Matogrosso em Trancoso

Festival vai reunir Alceu Valença, Paulinho da Viola e Ney Matogrosso em Trancoso

Publicado em: 28/05/2024
Por: Antônio Diniz
Atenção: Caso qualquer das fotos que ilustram essa matéria seja de sua autoria nos informe via WhatsApp (71) 9.9982-6764 para que possamos inserir o crédito ou retirar imediatamente.

O público  que visita Trancoso nas férias de julho  vai ter uma ótima programação cultural. A localidade vai receber o Festival Luz do Sol nos dias 13, 14 e 15 de julho com grandes nomes da MPB como Alceu Valença, Paulinho da Viola e Ney Matogrosso que vão se apresentar no Teatro L’Occitane.
O evento terá também  uma programação paralela, incluindo DJ e espaço gourmet. No dia 13 de julho, Alceu Valença e a Orquestra Sinfônica de Ouro Preto apresentam ‘Valencianas’. O cantor e compositor pernambucano traz para o público seus grandes sucessos e novas músicas em arranjos surpreendentes. Sucesso de crítica, ‘Valencianas’ une a música de concerto à música popular brasileira, além da poesia das ladeiras de Olinda e Ouro Preto. O concerto tem a regência do maestro Rodrigo Toffolo, diretor artístico da Orquestra Ou ro Preto.

No dia 14 de julho será a vez de Paulinho da Viola apresentar o show ‘80 anos’. A apresentação, dirigida por Claudio Botelho, celebra oito décadas do cantor e compositor portelense, que se firmou como uma voz única e pujante da MPB e do samba. No repertório, além das músicas marcantes de sua trajetória e de uma composição inédita, Paulinho abre espaço para cantar algumas canções que, embora nunca tenha gravado, fazem parte de sua memória emotiva.

Enc errando o festival, Ney Matogrosso apresenta o show ‘Bloco na Rua’, cujo registro ao vivo foi indicado ao Grammy Latino em 2020 na categoria melhor álbum de música popular brasileira. Com pegada roqueira, o artista canta músicas que se tornaram sucesso na voz dele e também do repertório de outros cantores como ‘Mulher Barriguda’ (Solano Trindade/João Ricardo), do primeiro álbum dos Secos e Molhados, de 1973, e ‘Como 2 e 2’ (Caetano Veloso).

Compartilhar: