简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Governo do Estado garante Carnaval Pipoca e promove a folia do Pelô

Governo do Estado garante Carnaval Pipoca e promove a folia do Pelô

Publicado em: 27/02/2019


Carnaval Pipoca nos circuitos Dodô e Osmar; festa no Pelourinho; valorização dos blocos afros; promoção de ações sociais; oferta de serviços gratuitos e reforço na segurança e nos hospitais públicos. Esses são alguns dos compromissos do Governo do Estado no Carnaval da Bahia, que este ano tem um investimento total de cerca de R$ 90 milhões, sendo R$ 46 milhões em segurança pública. Com o tema “Carnaval da Bahia: o Mundo se Une Aqui”, o Governo pretende destacar o caráter democrático e diverso do evento mais popular do planeta. O conceito também fortalece a autoestima do baiano, que viu seu estado se tornar a principal referência do país em gestão e atrair olhares de todo o mundo.


Com 100% da programação cultural promovida pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura (Secult), o Pelourinho deve continuar sendo um dos principais destaques da folia. Mais de 100 artistas subirão aos palcos do Largo do Pelourinho e das praças Pedro Archanjo, Tereza Batista e Quincas Berro D’Água para 66 shows (individuais e coletivos) entre sexta e terça-feira (5). Entre as atrações, nomes como Gerônimo (domingo); Manno Góes, Jorge Zarath e Tenison Del Rey (juntos, no sábado); e Ellen Oléria, Paula Lima e Nara Couto (juntas, na terça).
Também no Pelourinho acontecem quatro bailes infantis, entre sábado e terça, das 15h30 às 17h30, sempre no Largo Pedro Archanjo. Além dos palcos, a festa vai tomar conta das ruas do Centro Histórico, com 76 desfiles de bandas de percussão e cordas, bandões e performances que se iniciam na sexta a partir das 18h, no projeto Cortejão Cultural. Os bandões continuam seus desfiles pelas Ruas do Pelô, de sábado a terça de Carnaval, entre 10h e 22h. Sete microtrios e três nanotrios também estão na programação do Carnaval do Pelô e desfilam no Terreiro de Jesus entre sexta e segunda-feira.

CARNAVAL PIPOCA

Bell Marques, Léo Santana, Daniela Mercury, Margareth Menezes, Baby do Brasil, Luiz Caldas, Psirico, Parangolé e Alinne Rosa são algumas das atrações sem cordas que vão desfilar nos circuitos Dodô (Barra) e Osmar (Campo Grande), fortalecendo a política de democratização da festa implementada pelo Governo do Estado. Somando as atrações patrocinadas pela Bahiatursa, superintendência vinculada à Secretaria do Turismo (Setur) e pela Bahiagás, serão mais de 50 desfiles para o folião pipoca nos circuitos tradicionais da festa.


Um dos trios que preserva há décadas a tradição de desfilar sem cordas – e segue com patrocínio do Estado – é o Trio Elétrico Armandinho, Dodô e Osmar, que se apresenta no circuito Osmar (sábado) e Dodô (domingo, segunda e terç), sempre com saída prevista às 18h. A programação completa para o folião pipoca estará no site oficial do Carnaval (www.carnaval.bahia.com.br) a partir desta quarta-feira (27).


Idealizada pela Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), a campanha Respeita as Mina volta a colocar seu trio sem cordas na folia, desta vez com Larissa Luz, Xênia França e Luedji Luna no projeto Aya Bass.
A animação também está garantida no interior do estado, com o apoio do governo estadual à festa em 32 cidades, como Itacaré, Porto Seguro e Juazeiro. Tudo para fazer a alegria de baianos e dos 6 milhões de turistas que escolheram a Bahia para desfrutar o verão.

CARNAVAL OURO NEGRO

Chegando à sua 12ª edição, o projeto Carnaval Ouro Negro, realizado pela Secult e pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), oferece importantes subsídios para o apoio a agremiações de matrizes africanas e tradicionais dentro dos circuitos do Carnaval de Salvador. Desta forma, é promovida a preservação e valorização da presença destes blocos, com o desfile em alas e indumentárias tradicionais, assim como a maior participação da juventude, transmitindo o legado para as novas gerações.


Entre as atrações do projeto, que contempla as categorias afro, afoxé, samba e reggae, estão o Afoxé Filhos de Gandhy, que está comemorando 70 anos de fundação, os blocos Ilê Aiyê, Olodum, Cortejo Afro e Didá. Vale destacar que o Ilê Aiyê e Olodum comemoram também datas importantes em 2019. Enquanto o Ilê celebra 45 anos, o Olodum festeja seus 40 anos.
Duas entidades comemoram os seus 25 anos de história. De um lado, o bloco afro Didá, mantido pela associação educativa e cultural sem fins lucrativos de mesmo nome, a entidade desenvolve um trabalho que tem como base a percussão, especialmente o samba reggae. Também completando o 25º aniversário, o Alerta Geral montou um time de atrações que representa a excelência do bloco de samba, com muita alegria, paz e requinte. Os cariocas Xande de Pilares, Délcio Luiz e Fundo de Quintal; além das bandas baianas Bambeia e Miudinho, são os nomes já confirmados para arrastar o imenso tapete azul e branco na quinta-feira, tradicional noite do samba na avenida.

Compartilhar: