简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Quer mais que carnaval na Bahia? Então vá a Lençóis, na Chapada

Quer mais que carnaval na Bahia? Então vá a Lençóis, na Chapada

Publicado em: 01/11/2019
Por: Adilson Fonsêca


É tempo de sol, de festa, de muita praia. E a Bahia, principalmente Salvador, oferece tudo isso. Mas se você é daquele que quer conhecer a Bahia mas quer dar um tempo no agito e curtir as belezas da natureza com comodidade, num clima de montanha, onde possa tomar banho de cachoeira, andar em meio a casarios históricos e acordar com o som da natureza em seu esplendor, a melhor opção é a Chapada Diamantina. E na Chapada, a cidade de Lençóis.

A cidade de Lençóis está a 410 quilômetros de Salvador e se situa a 394 metros de altitude, o que por si só já a diferencia do clima do litoral baiano. Fica localizada no centro da Chapada Diamantina, e é famosa por ser o principal destino turístico da região. Os amantes da natureza têm Lençóis como um destino obrigatório.

A cidade era pouco conhecida de baianos de Salvador e principalmente turistas de outros estados, até 1980. Aos poucos, o perfil dos visitantes mudou dos tradicionais mochileiros e motociclistas aventureiros, atraídos pelas histórias da Chapada e na busca pelo contato mais próximo com a natureza, por famílias e grupos de excursões, a partir de 1994, que também passaram a conhecer as atrações dos municípios vizinhos, como Andaraí, Mucugê e Palmeiras.

Em Lençóis o turismo se expandiu e a cidade e conta com uma ótima infraestrutura para absorver a demanda de visitantes. São mais de 120.000 turistas por ano, que ficam em média 8 dias na cidade. Tanto é assim que em 2010, pela quarta vez consecutiva, Lençóis foi considerada um dos 10 melhores destinos turísticos do Brasil, segundo o GUIA 4 RODAS – um dos mais importantes guias de viagem do Brasil. E também foi eleita o melhor destino ecoturístico do Brasil pelo GUIA 14+ BRASIL TELECOM, do Portal IBest na Internet.

Porta de entrada – Pela sua infraestrutura turística, Lençóis é considerada a porta de entrada da Chapada Diamantina. A cidade fica a poucos quilômetros do aeroporto, que recebe dois voos semanais saindo de Salvador, e também voos vindos de outras capitais. Tem acesso fácil pela BR-242 (Bahia-Brasília) e diversos passeios pela região partem da cidade. Os turistas que fazem passeios durante o dia se concentram à noite nos estabelecimentos das ruas da Baderna, das Pedras e na Praça Horácio Matos.

História – A cidade de Lençóis surgiu em meados do século XIX com a descoberta de muitas jazidas de diamantes na região da cidade de Mucugê. A tradição oral, indica que por volta de 1844 um personagem, chamado Cazusa Prado, e o seu escravo, teriam vindo do Mucugê para descobrirem diamantes. Segundo o relato, o escravo extraiu muitas gemas e seu senhor mandou o pajem vendê-las em Chapada Velha. Ali, o homem foi preso sob a alegação de ser um ladrão de estrada.

No entanto, a notícia provocou uma “corrida do diamante” rumo a esta Lavra nova. Desse modo, diz-se que quem chegasse por último poderia ver, de cima da serra, os tetos das barracas estendidas lá em baixo, como se fora uma cidade de lençóis. A notícia da descoberta propagou-se, e para a localidade onde seria Lençóis afluíram logo aventureiros de toda a parte da Província (atual estado da Bahia.

O garimpo foi atividade típica local, nas Lavras Diamantinas. Desde os primeiros tempos de mineração, a região foi salpicada com ranchos, bateias e outros instrumentos para busca de diamantes e carbonatos. Na base das rochas, encontram-se planícies em redor das águas. As jazidas de diamantes estão nessa camada, bem como nos leitos de rios, riachos e nos canais naturais.

Infraestrutura – Em qualquer época do ano hospedagem não é problema em Lençóis. Com a melhor infraestrutura turística da Chapada Diamantina, a cidade dispõe de bons hotéis e pousadas, restaurantes, bares e atrações diversas, além de agencias e guias de viagens que oferecem uma variedade de roteiros perto da cidade ou em municípios vizinhos. E tudo isso sem perder a características das pequenas cidades do interior.

Como chegar

Via terrestre – Saindo de Salvador segue pela BR-324 até Feira de Santana e de lá pela -116 (Rio-Bahia) até encontrar a BR-242 (Bahia-Brasília). São 410 quilômetros de distância.

Horários ônibus (Terminal Rodoviário de Salvador)

Partida Chegada
7:00 13:00
13:00 19:00
17:00 23:00
23:00 05:00

Via aérea

O aeroporto Horácio de Matos, no município de Lençóis, recebe voos regulares a partir de Salvador e está a 20 quilômetros do centro da cidade, na BR-242.

Quintas e domingos. Na alta estação turística costuma haver voos extras nas quartas e nos sábados.

Compartilhar: