简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Ribeira, onde todo dia é dia de festa e boemia

Ribeira, onde todo dia é dia de festa e boemia

Publicado em: 22/05/2019
Por: Adilson Fonsêca


Ribeira é local de reparação de embarcações e ancoradouro. Um porto seguro e protegido, na Baía de Todos os Santos. E a Praia da Ribeira, que pode ser chamada também de Praia da Penha, por causa da igreja do mesmo nome (1742) é o ancoradouro de muitos boêmios de Salvador, principalmente nos finais de semana.

Já sediou uma das mais tradicionais festas de largo da cidade, a tradicional Segunda-Feira Gorda da Ribeira, logo após a festa da Lavagem do Bonfim, mas continua bastante procurada por sua praia de águas calmas, areia grossa e branca, e a bela vista para a Baía.

Ela também abriga uma enseada, a dos Tainheiros. É nesse braço de mar que se realizam as competições de remo na Bahia, esporte que já foi muito popular na cidade. A vista é bonita, contemplando toda a região do Subúrbio ferroviário de Salvador, com suas encostas elevadas.

No lado oposto, onde se vislumbra a Baía de Todos os Santos e ao fundo a Ilha de Itaparica, o banho de mar é proporcionado por uma praia de águas calmas, onde se pode saborear petiscos tradicionais como o caranguejo, siri catado, peixes fritos e o acarajé, em barracas e barzinhos ao longo da Avenida Beira Mar.

É na Ribeira onde se toma o mais famoso e tradicional sorvete de Salvador, na Sorveteria da Ribeira, que existe no local desde 1931. Os sorvetes ali são feitos de forma artesanal, utilizando frutas naturais em sua fórmula. São mais de 60 sabores de frutas tropicais, exóticas e segredos da casa.

Apesar de ser hoje um local essencialmente freqüentado por moradores da Cidade Baixa e do Subúrbio Ferroviário de Salvador, na Ribeira é possível acompanhar todas as manhãs e finais de tarde os treinos de esportes náuticos, na raia de remo mais antiga do Brasil.

Ali também você pode visitar o conjunto arquitetônico formado pelo antigo Palácio de Verão do Arcebispo de Salvador e a Igreja de Nossa Senhora da Penha.

Como chegar – Na principal estação de ônibus de Salvador (Lapa) e passando pelos principais bairros há linhas para a Ribeira.

Compartilhar: