简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Em Itaparica, belas praias e muita história

Em Itaparica, belas praias e muita história

Publicado em: 02/09/2020
Por: Alex Ferraz


Muita história, com fortes e casarões construídos há séculos, ruas tranqüilas e farta oferta de belas e calmas praias. Assim é a cidade de Itaparica, sede do município do mesmo e localizada na ilha homônima, que é a maior da Baía de Todos os Santos.
O trajeto para Itaparica, via ferry-boat, começa no terminal de São Joaquim, em Salvador, e termina, cerca de 45 minutos depois, em Bom Despacho, de onde se pode prosseguir viagem de carro ou através de ônibus ou kombis. Já a partir da saída de Bom Despacho, começam as lindas paisagens das diversas praias do município.

A fama de Itaparica começou como uma estância de água mineral, já que está naquela cidade a Fonte da Bica, de onde a água límpida e saudável jorra sem parar.
Para se ter uma idéia das propriedades mais diversas que são atribuídas a essa água, entre elas de ser rejuvenescedora, há uma inscrição, nos azulejos que compõem a parede frontal da fonte, que diz: “Êh! água fina. Faz velha virá menina”.


Embora se saiba vagamente que por volta do ano 1000, portanto 500 antes da chegada de Cabral, os índios tapuias, que habitavam a região hoje denominada Itaparica tenham sido expulsos para o interior com a chegada dos tupis, os primeiros registros históricos oficiais sobre a ilha datam do século XVI, época em que os jesuítas construíram uma capela que se tornou marco histórico.
Por toda a cidade, cercada por águas calmas, é possível ver construções coloniais, muitas delas em excelente estado de conservação e ainda usadas como moradia.
Um local atrai especial atenção, nem tanto por sua história antiga, mas sim pela contemporânea: o Largo da Quitanda. Ali o saudoso escritor João Ubaldo Ribeiro escreveu muitas de suas obras internacionalmente conhecidas, em um pequeno escritório do qual costumava sair para dar umas voltas na praça, tomar uma cervejinha no bar ao lado e relaxar, entre um capítulo e outro.
Entre as mais freqüentadas praias de Itaparica, não deixe de ir à Ponta de Areia (a preferida pelos turistas e onde há várias barracas com bebidas e comidas típicas e um mar extremamente tranqüilo), Praia do Forte, Mocambo Amoreiras, Coroa do Limo, Ponta do Mocambo e Boulevard.

Compartilhar: