简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Gruta da Pratinha, na Chapada. Dá até para meditar

Gruta da Pratinha, na Chapada. Dá até para meditar

Publicado em: 13/06/2019
Por: Adilson Fonsêca


Para quem pensa que já conhece tudo da Chapada Diamantina, a região, localizada no centro do Estado da Bahia, surpreende com lugares inusitados, ideais para o turismo de aventura e ecológico, e para aqueles que gostam de curtir a natureza como ela é, sem estar muito distante dos centros urbanos.

Lençóis, Mucugê, Andaraí, Iraquara, Ibicoara, Palmeiras, todas as cidades estão no entorno da Chapada, estão, em média, a 450 quilômetros de Salvador, pela BR-242, e oferecem maravilhas da natureza, que juntas e pela diversidade, fica difícil de se encontrar em outras regiões. A Gruta da Pratinha, em Iraquara, é uma delas. Hoje um balneário, fica na Fazenda Pratinha, e é cercada por águas azuis transparentes. O lugar é tão maravilhoso, que os visitantes, antes de banhar-se nas águas transparentes, passam horas contemplando a beleza do lugar.

Para quem gosta do inusitado, é possível fazer uma flutuação na parte interna da Pratinha, usando um colete, máscara, snorkel e lanterna e seguir o guia, que vai na frente do grupo em um bote inflável, mostrando o caminho pelo túnel escuro. Lá dentro, peixes e formações rochosas são avistados com o auxílio das lanternas. Na saída da gruta, já com luz natural, milhares de peixinhos parecem dar os parabéns em meio à rica vegetação aquática.

A gruta termina em um imenso lago de águas azuis, que mais parece uma praia. Por ali, a pedida é fazer uma tirolesa de 85 metros, a 12 metros de altura; nadar e andar de caiaque.

Como chegar – Da cidade de Lençóis, a 410 quilômetros de Salvador, e principal ponto da Chapada Diamantina, é uma hora de carro. De Lençóis pela BA144, pega a BR242 no sentido de Palmeiras. Depois a BA 480 em direção a Iraquara. Há placas indicativas até a Fazenda da Pratinha.
Por uma taxa que pode chegar a R$ 25, se tem acesso ao local na Fazenda Pratinha, quem dispõe de banheiros limpos, restaurantes, lanchonete e guias para orientar sobre conservação e detalhes geográficos de ambas as atrações, assim como oferecer a descida de tirolesa no Lago da Pratinha, aluguel de caiaques e a flutuação para observar o interior da gruta.

Compartilhar: