简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Recife das Pinaúnas, olhe bem onde você vai pisar

Recife das Pinaúnas, olhe bem onde você vai pisar

Publicado em: 17/02/2020
Por: Alex Ferraz


Nada como um delicioso mergulho nas águas límpidas da Baía de Todos os Santos, principalmente nesse verão de sol forte e temperatura cima dos 30 graus. Mas se você vai se aventurar por uma determinada faixa de corais próximo à bucólica ilha de Itaparica, é bom ter bastante cuidado.

Nesta área de preservação ambiental, vale uma atenção redobrada, não só para preservar os corais, mas, principalmente, seus pés.  Ao longo das costas Leste e Sudeste da Ilha de Itaparica existe uma faixa de 20 quilômetros de recife de corais, paraíso perfeito para umas criaturazinhas bem danadas.

Em meia à flora e fauna marinhas riquíssimas, o destaque são as colônias de cerca de cinco tipos diferentes de ouriços do mar, também conhecidas popularmente como “pinaúnas”, daí o nome do local, onde há trechos chamados também de Praia das Pinaúnas. São os mais extensos de toda a Baía de Todos os Santos.

A fauna marinha proporciona no entorno do parque ingredientes deliciosos para suculentos pratos da cozinha baiana, como siri, caranguejos, lagosta, cavaquinho e camarão, entre outros, além da grande abundância de peixes. Mas deixe quem conhece o local pescar para não voltar com um espinho no pé. No local existe, inclusive, a Unidade de Conservação Recife das Pinaúnas e área está sob proteção ambiental.

O mergulho é permitido e propicia uma límpida observação das belezas oferecidas pelos corais. O banho de mar, claro, é livre, mas é sempre bom lembrar que o local é o paraíso das pinaúnas, que, como se sabe, são cobertas de “espinhos”.

Portanto, todo cuidado é pouco para não pisar nelas e sentir a dor e outros incômodos de ter o pé espetado. Finalmente, a região também serve de abrigo e fonte de alimentação para as baleias jubarte.

Compartilhar: