简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol
Home > Destinos Incríveis > Um cenário de sonho na bela Chapada Diamantina

Um cenário de sonho na bela Chapada Diamantina

Publicado em: 05/05/2019
Por: Adilson Fonsêca


A subida é de tirar o fôlego literalmente. Do ar que fica mais rarefeito nos pulmões, à emotividade de se deslumbrar com uma das mais maravilhosas vistas da Chapada Diamantina. Entre os municípios de Lençóis e Palmeiras, na beira da rodovia BR-242 (Bahia-Brasília), a 410 quilômetros de Salvador, o Morro do Pai Inácio (e mais ao fundo o Morro do Camelo) é um dos principais cartões-postais do turismo da Chapada.


Não é difícil se chegar ao local, a partir de Salvador. Pode-se ir em linhas regulares de ônibus executivos saindo do Terminal Rodoviário de Salvador, ou de avião, a partir do aeroporto Internacional Luis Eduardo Magalhães, de Congonhas (SP) e Confins (MG)até o Aeroporto de Lençóis. O aerolporto está a 20 quilômetros do centro da cidade de Lençóis.


Mais o mais importante está nas trilhas que levam ao Morro do pai Inácio, a partir da BR-242. Uma subida de 20 minutos – 300 metros íngremes a partir do estacionamento – leva a um dos lugares mais tradicionais da Chapada Diamantina. Do alto do Morro do Pai Inácio, aos 1.120 metros de altitude, o visitante vê as principais formações do Parque Nacional da Chapada Diamantina – Morro do Camelo, o Morrão e o Três Irmãos.
Lenda – Dia uma lenda na região que o nome de Pai Inácio se deve a uma lenda, que fala de um escravo, Inácio, que se apaixonou pela esposa de um poderoso coronel da região. Certo dia o coronel descobriu o romance e mandou pistoleiros no encalço do escravo. Inácio foi encurralado no alto dessa montanha e, não tendo como escapar, saltou com a sombrinha da amada. Conta-se que muitos conseguiram ver Pai Inácio correndo entre os vales para nunca mais voltar.


Para chegar até o Morro do Pai Inácio na Chapada Diamantina, o acesso é relativamente fácil e a trilha está localizada a margem da BR-242 e está situada a cerca de 27 quilômetros de Palmeiras e a 26 quilômetros da cidade de Lençóis. A trilha apresenta um pouco de dificuldade, pois é íngreme, mas nada que não seja possível de se fazer para quem está acostumada com subidas.

Compartilhar: